Limite Zero

A Limite Zero iniciou a sua actividade no ano de 2003 com a estreia do espectáculo de teatro de sombras O Pinto Borrachudo. Desde essa altura produziu ou co-produziu mais dez espectáculos de formas animadas. A par da criação de espectáculos, a Limite Zero tem vindo a desenvolver diversos ateliês nas áreas da Escultura, Formas Animadas e Vídeo

Em busca do Planalto Perdido

Temendo o frio do inverno que se aproxima, dois destemidos abutres do Egipto, os últimos do planeta, temem o desaparecimento da espécie. As fêmeas desapareceram, já não existe nenhuma, só restam os dois amigos. Trec, o mais novo, encontra um ovo, o último ovo do mundo. Decidem levá-lo para Portugal, para o local onde desde sempre foram para chocarem os ovos e nascerem as crias. Voam numa aventura em busca do mítico Planalto Perdido e para o alcançarem terão de ser valentes, astutos e muito, muito persistentes. Indiferentes às dificuldades, Abu e Trec conseguem um misterioso aliado e partem numa aventura inesquecível. Será que a espécie vai sobreviver?

Cidade: Maia

Texto original – Jorge Constante Pereira;
Encenação – Raul Constante Pereira;
Desenho das marionetas – Manel Cruz;
Música e sonoplastia – Pedro Lima;
Desenho de luz – Raul Constante Pereira;
Cenografia – Albano Martins;
Marionetas – Raul Constante Pereira, Albano Martins;
Interpretação – Raul Constante Pereira, Rui Oliveira;
Assistência de encenação – Sofia Silva;
Operação técnica – Pedro Lima / Emanuel Santos;
Produção executiva – Pé de Cabra


Idioma: Português

Duração:  50 min.

Público: Famíliar


JUNHO 2021

ESPAÇO ALEGRIA – CDAPEC (antigo IROMA)

Dia 2 (quarta-feira) – 18H00

Dia 3 (quinta-feira) 18H00